sexta-feira, 14 de abril de 2017

Pró-Saúde rescinde contrato de gestão da UPA 24h Macarenko e do PA Matão, em Sumaré

A Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar informa que, a partir das 12h do dia 13/4, dará por encerrado o contrato de gestão 1/2014 com a Prefeitura de Sumaré e não será mais responsável pela administração das referidas unidades.
O contrato será encerrado porque a dívida da Prefeitura com a Pró-Saúde já supera os seis meses de atraso, sem que o município tenha manifestado nenhum interesse em solucionar o problema. Tal situação ficou insustentável e causou sérios riscos à assistência aos pacientes e prejuízos aos médicos, colaboradores e fornecedores.
A rescisão foi comunicada à Prefeitura, à Secretaria Municipal de Saúde e aos órgãos competentes e está embasada em decisão judicial que reconhece o direito da entidade de encerrar o contrato sem necessidade de autorização. Também atende à cláusula contratual, segundo a qual o município não poderia deixar a dívida com a Pró-Saúde ultrapassar os 90 dias.
Em ofício, a Pró-Saúde também recomendou que a Prefeitura — responsável pela saúde pública do município — assumisse integralmente os serviços na UPA 24h Macarenko e no PA Matão, evitando danos aos pacientes.
A entidade assumiu a gestão da UPA 24h Macarenko e do PA Matão em 28/8/2014, depois de ser declarada pelo município a vencedora do chamamento público 1/2014.
Durante o contrato, foram realizados 246.684 atendimentos no PA Matão e 396.623 na UPA 24h Macarenko.
A entidade também promoveu vários projetos para a humanização do atendimento, campanhas de orientação social e, ainda, a participação em iniciativas de envolvimento com a comunidade, como a “Caminhada Pela Saúde”, ocorrida em julho de 2016, que contou com a participação de dezenas de moradores.
A Pró-Saúde lamenta o desfecho e a falta de interesse do município em encontrar uma solução para o problema e reitera que seguirá defendendo na Justiça seu direito de receber pelos serviços prestados.
Sobre a Pró-Saúde
A Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar é uma entidade filantrópica, sem fins lucrativos, que há 50 anos atua na gestão de unidades de saúde, educação infantil e assistência social.  
É considerada uma das maiores instituições de gestão de serviços de saúde e administração hospitalar do País. Tem sob sua responsabilidade 2,6 mil leitos, 16 mil colaboradores, sendo 2,9 mil médicos, e possui uma das maiores equipes de administradores hospitalares do País. Está presente em todas as regiões do Brasil, 11 estados e 25 municípios.
Como organização alicerçada na ética cristã e na vasta experiência católica de trabalho social, pautada pela humanização, nos últimos anos a instituição tem desenvolvido e incentivado a cultura da sustentabilidade na gestão das unidades que administra. É certificada como Entidade Beneficente de Assistência Social na Área da Saúde pelo Ministério da Saúde, o que reforça sua atuação no âmbito do SUS (Sistema Único de Saúde).

Nenhum comentário:

Postar um comentário